8.11.08

[...Passeata em Carmim...]

{... na escalada da montanha que abrigará este inverno, instalam-se impacientes todas as cores. primeiro apagam-se os registos a todas as memórias. dispertam-se imagens adormecidas e por fim... abre-se a janela em tons de vermelho carmim. brindamos. incendiamos todos os sonhos e suavizamos o frio que já acontece. hoje... certamente que hoje, já escutaremos em silêncio: alaranjados vermelhos assim. }

1 comentário:

Fa menor disse...

As cores necessárias a incendiar o inverno do nosso descontentamento.
Quero ouvir essas cores em mim também!
beijinhos